Cada dia é único ...

15/07/2018 por Ofélia Jesus

Só se vive uma vez, e não vai se repetir, viva o hoje, viva o agora, viva este instante,

cada dia é um presente, um novo começo e recomeço, seu amanhã se constrói hoje.

Vou abordar este tema para quem procura um aprofundamento espiritual.

Quando chegas ao final do dia há tendência para classificares "Como correu o dia hoje ?" Mediante um sentimento

vais atribuir uma classificação.

E quando aprofundas e analisas com atenção um dia que classificas de menos bom é muito relativo, para muitos seria um dia perfeito.

Na altura em que te chega o sentimento de que o teu dia está a correr mal convido-te a olhares fundo dentro de ti com clareza e

sinceridade e seja qual for a situação(ões) ja passaram, nao transformes essa(s) situação(ões) em um problema,

pois nessa altura chamas o sofrimento, imagina uma barreira e quando vais além e ego comanda,

as águas do lago agitam-se e ofuscam-te, voltas a normalidade quando te rendes e aceitas portanto a solução está em ti .

Todos passamos por experiências menos boas ... faz parte do crescimento.

Cria o hábito de te observares percebe quais as situações, pessoas, sitios etc.. que te tiram do sério e aos poucos vais conseguindo

detectar esse sentimento antes da barreira assim evitas transformar o teu dia(s) em um pesadelo, aprecia até mesmo esses momentos

pois tambem eles fazem parte do jogo que é a vida.

Ao te tornares um observador de ti próprio e aprofundares o lado espiritual irão surgir questões existênciais de

como lidar com certas situações do dia a dia, vou enumerar algumas com possíveis abordagens.

- A tua opinião irá criar conflito

Que fazer nesta situacão, se valer a pena e trouxer valor acrescentado aconselho a seguir em frente e executar a ação,

caso contrário mais vale o silêncio.

- A tua relação com os objectos

O problema não são os objectos que possuis mas a tua relação com eles.

Exemplo: Queres comprar um telémovel novo e podes comprar um bom telémovel e achas isso importante ... se estas no processo

de crescimento espiritual podes pensar para que preciso de um telémovel topo de gama ... Idependente da decisão o que importa e a tua relação com o

telémovel, imagina que uma semana a seguir o deixas cair e parte-se ... se a situação nao te criar nenhum tipo de alteração emocional

negativa a tua relação com o objecto é boa existe um desapego.

- Os pensamentos menos puros

Fazem parte se os identificares é um bom principio ... com calma formula um pensamento oposto e entrega-o ao criador.

Nota: Criador pode ser substituido por Deus, Jeova, Ala, Ser Superior, Self a entidade que esta em tudo e é tudo(inclusive tu).

- Mentira mesmo aquela que nao faz mal a ninguém

Evita mentiras a todo o custo, pensa como deves agir pois ha uma solução ...

Vou dar um exemplo: Estás a concorrer a uma proposta de emprego e quando te fazem a entrevista perguntam

Qual e o seu atual salário ... tu não queres responder a isto com a verdade pois vai limitar o valor que te vão oferecer

... então podes responder isso e uma questão privada portanto nao irei responder.

- A tua relação com o criador

Se não acreditares nesta força superior passa a frente.

Não temas o Criador, ele está sempre presente e podes sempre conversar com ele.

O desapego vai alem dos objetos passa pelas ações entrega os frutos do teu trabalho

nas mãos do criador liberta-te.

Para alcançares a liberdade precisas de desapego e renuncia.

Para concluir, se quiseres ter progresso espiritual, o caminho é a meditação para alcançar um conjunto de transformações na tua vida.

Atenção a meditação deve ser acompanhada por um professor competente e que o faça sem esperar qualquer tipo de recompensa.

O tema da meditação fica para um proximo artigo.

OM Shanti Shanti Shantih

blog comments powered by Disqus
Kundaliní - Centro de Yoga © 2017